COMEÇA O DESMONTE DA ORQUESTRA DO THEATRO SÃO PEDRO/SP.



Nota dos músicos da Orquestra do Theatro São Pedro/SP:
Através do diário oficial do dia 06/05/2017, infelizmente, foi confirmado oficialmente o desmonte da Orquestra do Theatro São Pedro, única orquestra especializada em ópera em atividade no Brasil.
A transição do contrato de gestão do Instituto Pensarte, sem licitação, para a Santa Marcelina Cultura, extingue o projeto original da orquestra nos moldes atuais, ou seja, 55 músicos profissionais, altamente capacitados, que realizaram rigoroso processo seletivo e, desde então vem executando um trabalho de excelência artística.
Com a troca recente do Secretário de Cultura, atualmente representado pelo Sr. José Luiz Penna (PV), nos foi prometida uma transição tranquila, sem traumas e, que preservaria TODOS OS MÚSICOS, conservando assim a alta qualidade da orquestra.
Como visto, a promessa da Secretaria, administrada pelo Partido Verde, não se cumprirá.
Hoje, a Santa Marcelina, mostra-se uma ineficaz gestora de cultura: extingue 22 postos de trabalho e substitui por bolsistas com pouca experiência.
Qual a lógica no corte de empregos de músicos profissionais ? Consiste em uma descaracterização da profissão, privilegiando os sub-empregos, lamentavelmente uma tendência no cenário musical nacional atual.
A nova OS, que também gere a EMESP Tom Jobim, já possui histórico em extinguir grupos profissionais (vide Camerata Aberta) e nos mostra com a aceitação do edital proposto pela secretaria, que não se preocupa com os alunos que sua própria escola forma. Extingue cargos qualificados, diminuindo as esperanças dos seus alunos de se tornarem músicos profissionais (vale lembrar que qualquer bolsista tem idade limite dentro de qualquer grupo de alta performance).
Pedimos o apoio de todo o público da Orquestra do Theatro São Pedro, para que este projeto premiado e reconhecido pela crítica nacional e internacional não acabe.

******Nota oficial da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo.*******
"A Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, em razão do término do contrato do Instituto Pensarte, e visando à continuidade das atividades do Theatro São Pedro, da Academia de Ópera e da Jazz Sinfônica, informa:
1. O corpo do Theatro São Pedro, a Academia de Ópera e o Teatro Caetano de Campos passarão a ser geridos, a partir do dia 2 de maio, pela OS Santa Marcelina Cultura, gestora da Escola de Música Tom Jobim e do Projeto Guri, na Capital e na Grande São Paulo.
2. A Jazz Sinfônica passará a ser gerida pela Fundação Padre Anchieta, cuja gestão incluirá como espaço para ensaios o Teatro Franco Zampari.
A Secretaria de Estado da Cultura agradece o intenso trabalho realizado pelo Instituto Pensarte. Trabalho que, sem dúvida, resultou em um salto de qualidade na produção operística em São Paulo reconhecida, inclusive, com o prêmio APCA de melhor espetáculo de Ópera em 2016 (Dom Quixote)."
Fonte: Facebook dos músicos da Orquestra do Theatro São Pedro.
Edital: https://www.imprensaoficial.com.br/DO/BuscaDO2001Documento_11_4.aspx?link=%2F2017%2Fexecutivo%2520secao%2520i%2Fmaio%2F06%2Fpag_0041_C9TG30O1EG5EQe4BO30RSRSGM6H.pdf&pagina=41&data=06%2F05%2F2017&caderno=Executivo%20I&paginaordenacao=100041

Comentários

  1. O Estado brasileiro e seus gestores estão provando o quão medíocre e hipócrita é a gestão dos recursos públicos.

    ResponderExcluir
  2. PenA ver que nossa cultura está desintegrando-se pouco a pouco . O que restará para as futuras gerações? Lembrança de um tempo bom?
    Sucata?
    E os excelentes artistaS? O que será deles?
    É bem mesmo a fábula da cigarra e a formiga
    #prontofalei

    ResponderExcluir
  3. A Santa Marcelina não tem capacidade gestora, não entendo como foi parar na mão dela, sendo que nem uma colocação aceitável ela tem no ranking das Faculdades. Começou a fazer ...... o novo Secretário da Cultura.

    ResponderExcluir
  4. Já passou da hora de ter algo bacana no teatro São Pedro. Um espaço daquele apenas para Ópera? Fala sério.... Pq não abrir espaço para grandes peças e musicais? A população agradece

    ResponderExcluir

Postar um comentário